27 junho 2011

QUANDO A IGREJA SE TRANSFORMA EM CIRCO E O ALTAR EM PICADEIRO




O VÍDEO ORIGINAL FOI REMOVIDO. O MOTIVO DADO NÃO TEMOS COMO CONFERIR, MAS TENTAR ACREDITAR QUE SEJA. POR ISSO, COLOQUEI OUTRO PORQUE DEMONSTRA O MESMO CONTEÚDO QUE O ANTERIOR E FOI GRAVADO NO MESMO AMBIENTE DE CULTO.

Ao postar este texto não questiono pessoas, pois, muitos no vídeo conheço pessoalmente e as tenho em alta estima. Questiono comportamentos.
Vemos um avanço avassalador do mundanismo sobre a igreja. A igreja abraçou acriticamente o mundanismo como modus vivendi. O diabo seduziu um grande percentual de cristãos a aceitar os padrões do mundo como referência para a igreja. Charles Haddon Spurgeon, pregador batista do século XIX disse: "A igreja abandonou a pregação ousada; em seguida, ela gradualmente amenizou seu testemunho; depois, passou a aceitar e justificar as frivolidades que estavam em voga no mundo, e no passo seguinte, começou a tolerá-las em suas fronteiras; agora, a igreja as adotou sob o pretexto de ganhar as multidões". A tentativa de tornar o culto mais atrativo para os não convertidos tem jogado a igreja na sarjeta e a tem descaracterizado. Nunca se soube de um profeta que tenha utilizados desses meios para atrair multidões. João Batista, a voz que clamava no deserto, tinha uma rara capacidade desconhecida pela maioria dos pregadores e cristãos, ele conseguia encher um deserto e esvaziar uma cidade com uma mensagem cujo cerne era "arrependei-vos porque é chegado o Reino dos céus". A igreja historicamente não se deu ao luxo de divertir seus ouvintes, antes os confrontavam com uma mensagem que os tirava de seus sonos letárgicos. Agora esta igreja tentar aplacar as consciências transformando-se em circo e fazendo de seus altares picadeiros. O que vemos neste vídeo nada mais é do que o total fracasso de um sistema falido, onde Deus é totalmente desprezado e vituperado. Não questiono intenções, que por sinal devem ter sido boas, mas questiono o modo grotesco e inútil de tentar tornar a mensagem do Evangelho de Cristo mais aceitável para esta geração, como se esta geração não precisasse de se arrepender e confessar a Cristo como Senhor e Salvador de suas vidas.
A igreja que deveria ser a voz profética desta geração, sacrifica esse chamado no picadeiro da idiotice. Nenhum profeta sofreu por entreter o povo, mas por apontar e colocar o dedo nas feridas morais e espirituais de seus tempos. Foram serrados ao meio por trazerem uma mensagem que triturava o status quoo de suas gerações. Lançavam no desconforto emocional e espiritual aqueles que estavam confortáveis e confortavam os que estavam angustiados. Não vejo no espectro da fama dos cantores gospel um rol de mártires. Nada mais traz vergonha para o nome de Cristo do que essa banalização do sagrado. Prover distração é algo antagônico ao Evangelho e ao chamado de Cristo para a igreja. Tornar o culto mais agradável para atrair pessoas injetando no mesmo princípios mundanos não trará salvação e libertação para ninguém. Tentar atrair pessoas para Cristo de qualquer jeito é desconhecer por completo o que é Evangelho. Deus sempre trabalhou e trabalha com padrões e o seu padrão é: "Retirai-vos dela povo meu". Não passa pela minha cabeça o apóstolo Paulo, Agostinho, Tertuliano, Orígenes, Lutero, Calvino, M. L. Jones, J. Pipper, Enéas Tognini, Rosivaldo Araújo, Ashbel Green Simonton e outros permitindo o mundo entrar pela porta da frente da igreja transformando-a em circo e seu altar em picadeiro. Para mim, isso é oferecer fogo estranho no altar do Senhor.
A igreja primitiva por pregar a Cristo e este crucificado não tinha tempo para entreter o povo. Os primeiros cristãos saíram espalhando as boas novas de salvação em meio a uma terrível perseguição. Não havia tempo para circo. Não havia espaço para o picadeiro. Eles tinham uma mensagem candente da parte de Deus para uma sociedade que caminhava para o inferno a passos largos. A igreja, em nossos dias, se alinhou com o mundo e aceitou os conselhos de Balaão nos quais os filhos de Israel se corromperam casando-se com as filhas dos moabitas. Balaão não conseguiu amaldiçoar o povo de Deus, então o fez corromper com a prostituição. O que vemos neste vídeo é corrupção do culto a Deus e consequentemente prostituição espiritual.
Fico a me perguntar: Quais os benefícios advindos de práticas como estas? No final todos perdem. Os novos convertidos perdem por aprenderem que entrar na presença de Deus pode ser feito de qualquer maneira. Os novos convertidos são infantilizados e idiotizados. O mundo encontra motivos para rir de Deus e sua igreja. Os zombadores se acham em casa nestes momentos. O aflito que entrou para encontrar uma palavra de conforto foi apresentado a um outro evangelho que não o de Cristo. Quem veio buscar alimento para sua alma sai destas reuniões anêmicos. O espelho da Palavra é trincado nestes cultos e ninguém pode se ver à luz da Palavra.
Realmente entreter as multidões não traz nenhum benefício.
Sei que atrairei o desprezo, a ira e manifestações de muitos. Mas quem poderia ser o exemplo e apontar o caminho se encontra perdido.
A grande necessidade da igreja nestes dias é a de um púlpito forte com mensagens bíblicas que provoquem quebrantamento, confissão de pecados e devoção ao nosso Deus. Isso abrirá as portas para um aviamento que mudará a vida da igreja e do país. Por não termos Palavra de Deus proferida por lábios e corações incendiados pelo Espírito Santo, apelamos para o mundo como meio de aplacar nossos clamores interiores. Davi expressou de modo excelente a necessidade da igreja moderna quando disse: "A minha alma tem sede do Deus vivo".
Precisamos olhar para o nosso farol, Cristo. Somente Ele pode nos mostrar os perigos que nos cercam e apontar a melhor rota para as embarcações de nossas vidas.

Soli Deo Gloria

Pr. Luiz Fernando R. de Souza

95 comentários:

  1. Não conheço ninguém aí pessoalmente... Então posso dizer: Nó! Que babaquice!
    Mas, piores que os organizadores dessa palhaçada, são os milhares de cérebros liquefeitos que vão lá aplaudir esse show gospel com o mesmo nível crítico com que aplaudem os fraquíssimos programas de humor da Globo.
    Lástima, pena, dó...
    Belo texto. Espero que alguns de lá percebam a fria em que estão se metendo e saiam dessa "casa e fábrica de celebridades gospel" o mais rápido possível.

    abraço sincero, mas anônimo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou em lágrimas, com esta palhaçada em nome de Deus, me dá vergonha, vergonha mesmo, isto é coisa do diabo, para enfraquecer a Igreja do Senhor, somos todos palhaços e estamos num picadeira do horror, nunca tinha visto coisa igual, mas já vi muita coisa ridícula, aqui em minha cidade, um grupo está rapando a cabeça e a sobrancelha, andando descalço e vestido num saco de açúcar, Deus tenha misericórdia,.

      Excluir
  2. Lastimável, lastimável.... cada dia surge uma novidade trágica na igreja.
    Precisamos voltar, urgente!

    Meu caro, estamos seguindo seu blog...
    Posso pegar esse texto para postar no blog? Claro, divulgarei a fonte.

    Abraço

    Deus abençoe

    ResponderExcluir
  3. Prezados irmãos do Batalhando pela Fé,
    fiquem à vontade para replicarem o texto no blog sim.
    Um forte abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  4. Pr. Luiz Fernando,

    seu texto, uma forte exortação contra a secularização da igreja, contra o desprezo à eficácia do Evangelho, e a paganização da mensagem que deveria ser profética e não passa de diversão e entretenimento rasteiro [todos os profetas pregaram o arrependimento, objetivamente], destila o amor pelo Evangelho e pela igreja, e também pelo incrédulo, aquele que precisa desesperadamente se arrepender e reconciliar-se com Deus, e acaba por encontrar um falso conforto num evangelho inócuo e infrutífero que apenas o manterá morto em seus delitos e pecados.

    Parabéns por mais este post que nos conclama a proclamar o Evangelho de Cristo, não o evangelho falsificado e maldito.

    Abandonemos as coisas do nosso coração, e vivamos a Verdade.

    Cristo o abençoe!

    Grande abraço!

    PS: Como diz aquele velho ditado: de boas intenções, o inferno está cheio!

    ResponderExcluir
  5. Prezado irmão Jorge,
    você tocou em um ponto fundamental. A igreja está secularizada. As preciosidades do Evangelho tornaram-se notas de rodapé para muitos líderes. Uma pena.
    Um forte abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  6. Danielle R. Silveira29 de junho de 2011 06:29

    Querido Pr. Luíz Fernando,
    sou grata á Deus por sua vida. Excelente texto, pois relata a verdade nua e crua. Já o vídeo... vergonha, tristeza, falta de respeito, conhecimento e de relacionamento com Deus por parte do "apresentador" e da "platéia".
    Um forte abraço,

    ResponderExcluir
  7. Parabens mais uma vez. Deus o abençoe sempre.

    Joelson

    ResponderExcluir
  8. " O mundo encontra motivos para rir de Deus e sua igreja. Os zombadores se acham em casa nestes momentos. O aflito que entrou para encontrar uma palavra de conforto foi apresentado a um outro evangelho que não o de Cristo. Quem veio buscar alimento para sua alma sai destas reuniões anêmicos. O espelho da Palavra é trincado nestes cultos e ninguém pode se ver à luz da Palavra."
    Dura e triste realidade.
    Em Cristo
    Andréia

    ResponderExcluir
  9. Boas palavras, Pr. Luiz Fernando. Como sempre, você tem se posicionado profeticamente ao denunciar o erro e as aberrações ocorridas no ambiente "gospel" brasileiro, sem farisaísmo, numa atitude respeitosa para com os implicados.
    Assim precisa ser.
    Um abraço,

    Hermes P. Santos

    ResponderExcluir
  10. Fabrício Silveira29 de junho de 2011 07:52

    Parabéns Pr. Luíz Fernando,
    Pudera Deus, levantar mais homens e mulheres com a mesma coragem e sinceridade que o senhor trata estas idiotíces. Sou membro da 3ª Igreja Batista e como o senhor sita o Pr. Enéas Tognini, gostaria de convidá-lo para a Série de Conferências dos 75 anos desta igreja com o Pr. Enéas, nos dias 1, 2 e 3 de julho.

    ResponderExcluir
  11. Irmã Danielle,
    agradeço suas palavras de carinho. A nossa eterna procura e andarmos na Palavra. Lastimável o que tem sido feito com a igreja. Deus a abençoe ricamente.
    Um abraço
    Em cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  12. Obrigado meu caro colega Pr. Joelson.
    Um forte abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  13. Irmã Andréia,
    nunca achei que a igreja chegaria a este ponto tão baixo de vida. Realmente uma dura realidade.
    Um abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  14. Prezado irmão Hermes,
    a Deus seja a glória por tudo.
    Um abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  15. Irmão Fabrício,
    Deus tem levantado muitos outros nestes dias com uma postura firme em relação a estas sandices. Farei todo possível para estarmos juntos na 3a. Igreja.
    Um abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  16. Pr. Marcelo,
    realmente não temos referência para os mais jovens que se deixam levar por qualquer modismo. O problema se estabelece quando passamos o bastão para uma geração que não produzirá o resultado esperado daqueles que invocam o nome do Senhor. Creio que ainda há tempo.
    Um abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  17. Pr. Luiz Fernando,
    Incrível como Charles Haddon Spurgeon já falava nos idos de 1800 sobre isso que ocorre nas igrejas hoje. É um cancer que vai corroendo a mente das pessoas e cauterizando o raciocínio lógico. Um bando de patetas de boca aberta sem nenhum conhecimento bíblico rindo de personagens que nada acrescentam na vida da Igreja, isso tem o objetivo somente de gerar quantitade e não qualidade de vida cristã, querem arrecadar e não distribuir com os necessitados ( que não são poucos) a igreja hoje é uma caricatura triste de um povo sem conhecimento. Porém, DEUS em sua infinita misericórdia levanta colunas e restaura a igreja! Que saudades da lagoinha antiga dos idos de 1980 como era diferente!

    Sigamos firmes no propósito de pregar o evangelho e conhecer cada dia mais a palavra de DEUS!

    Um abraço bem apertado.

    Guilherme Herrera

    ResponderExcluir
  18. Pr. Erisvaldo Souza Leite29 de junho de 2011 10:32

    Pastor Luiz Fernando, sou pastor aqui na cidade de Timóteo, da Igreja Batista Nova Vida, e partilho com o amado irmão de suas idéias, mesmo não o conhecendo pessoalmente e sendo a primeira vez que entro em contato com seu blog e com seus escritos. Construir uma igreja solidificada na Palavra é muito difícil, e requer compromisso verdadeiro com Deus, e como dizia David Wilkerson, "diante de tanta gente necessitada da pureza do evangelho, não tenho motivo para rir", senão chorar e lamentar toda essa palhaçada que acontece no meio gospel. Que Deus continue usando o amado irmão com baluarte na defesa do Evangelho Puro.

    ResponderExcluir
  19. Pastor, que pena que o senhor só colocou este vídeo para que esta igreja pudesse ser "julgada". As pregações que lá acontecem na maioria das vezes a Palavra de Deus é pregada com seriedade e os ministérios desta igreja, que são muitos, tem edificado muitas vidas.
    Infelizmente em TODAS as igrejas encontramos picadeiros...ora no púlpito, ora fora dele.
    Como o senhor mesmo disse, temos que ter Jesus Cristo como farol para nossas vidas.
    O tempo de quem lidera uma igreja realmente deve ser escasso, mas cabe a Deus o julgamento. Muitas ovelhas ficam sem orientação dos seus "pastores" mesmo em igrejas de menor porte e aí, a vida dessas ovelhas não se torna apenas um circo na mão do inimigo e sim o verdadeiro inferno. Não preciso me identificar porque Deus sabe quem sou o que ja passei e passo e senti uma total indiferença de um pastor e de uma igreja que não tinha este tipo de "ação" como na Lagoinha, mas também nenhum tipo de pastoreio fora da igreja.
    Mas a Graça de Deus e a mensagem da Cruz de Jesus no calvário têm me sustentado através da Sua Palavra e de Pastores sérios da Lagoinha.

    ResponderExcluir
  20. Prezado irmão Guilherme,
    a palavra diz que: o meu povo erra por não ter quem lhes ensine". Neste tempo presente a razão está posta para escanteio e a idiotização entrou em campo e está marcando gols de placa em nosso meio.
    Uma pena. Mais ainda existem os 7000 que não dobraram os joelhos a Baal.
    um abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  21. Muitos líderes tem se mostrado soberbos, como gestores de si mesmos, cheios de aparência de piedade – mas negando a eficácia dela! Falam como cordeiros, mas agem como lobo – não perdoam o rebanho. Não compartilham a palavra de Deus, não buscam a ovelha perdida. Ainda há bálsamo em Gileade? Não colocam bálsamo nas feridas - aonde vamos parar! Em alguns lugares cantam-se muito – e muitas vezes hinos “esquisitos” e nem tem tempo mais para a exortação, admoestação – para repartir o conselho de Deus.
    A igreja virou um clube ou um encontro social? Vamos á igreja por costume? Quando não temos um lugar melhor para ir?

    Betel: casa de pão. (abibliapelabiblia.blogspot.com)

    ResponderExcluir
  22. Prezado colega Pr. Erisvaldo,
    compartilho com você que exige muito custo a edificação da igreja. O pior é quando está edificada falta-lhe conteúdo para se manter. Essa coisas não acontecem da noite para o dia. Um distanciamento paulatino da Palavra desemboca em coisas grotescas como as do vídeo. Firmemo-nos cada vez mais na Sã Doutrina e nos alimentamos da Palavra.
    Um forte abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  23. Prezado anônimo, o último anônimo,
    gostaria de lhe responder, mas o anonimato é algo que não considero como posicionamento de vida. Fica para próxima quando se identificar.
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  24. Meu caro irmão Esdras,
    existe sim bálsamo em Gileade só que esta ficando escasso. Suas observações são reais e oportunas. Creio que existem muitos pastores e líderes firmes nos preceitos de Deus em todas as igrejas e que lutam por uma vida mais piedosa. Alguns do meio gospel já não mais podem considerados pastores de almas, mas pastores de si mesmos.
    Um forte abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  25. é uma pena o que estão fazendo com a igreja de cristo, quando não as usam como um banco particular onde são depositados os dizimos e ofertas apenas para manutenção de um poder aquisitivo de alto nivel dos pastores e suas familias digo suas porque muitos tem mais que uma mulher,as transfomam em picadeiros de circo, utlizando artificios como os romanos ou seja fingimos que pregamos o verdadeiro evangelho e para não levantar suspeita e continuarmos a nos beneficiar financeiramente, damos o circo para o povo como entreterimento, precisamos dar um basta em tanta hipocrisia e falsidade, acorda povo de DEUS, não aceitem mais o que muitos pastores falam como verdade absoluta, leia a biblia, busque a verdade de DEUS e não se deixe enganar. um abraço do pastor oberdan

    ResponderExcluir
  26. Meu colega Pr.Oberdan,
    são realidades duras que precisam ser mesmo confrontadas. Deus está preservando um remanescente fiel ao seus princípios. Creio profundamente que nas igrejas há um povo temente a Deus e consciente do seu papel nestes dias. Obrigado por sua visita e que Deus o abençoe ricamente.
    um abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  27. Caro amigo pr. Luiz!
    Quando penso que pela minha idade já vi de tudo dentro das igrejas, me surpreendo com este picadeiro que fizeram do altar. Sempre pensei (e continuo pensando) que o altar fosse um lugar santo e que para alguém subir ali deveria se santificar, orar e pedir permissão a Deus. Eu sempre que vou para o altar paro por alguns segundos e peço permissão a Deus para colocar meus pés ali. Tenho profundo respeito pela pessoa do pr. Marcio Valadão que é meu amigo de longa data e custo a acreditar que ele esteja de acordo com este circo fezeram da igreja que Deus colocou em suas mãos, mas contr fatos não há argumento e as imagens falam por si só.
    Graça e paz em Cristo Jesus
    Pr. Jorge Rodrigues

    ResponderExcluir
  28. Pastor uma grande verdade estamos fardos da hipocrisia que vivemos nos dias de hoje a Igreja quer ter membros nao transformar as pessoas para o verdadeiro Cristo. Que Deus te abençoe.

    ResponderExcluir
  29. Marcelo Marques, Pr. - Igreja Batista Filadélfia em Vila Maria/SP29 de junho de 2011 17:44

    Olá Pr. Luiz Fernando.

    Os comentários demonstram que existem 7.000 que não se prostraram perante Baal. A ausência do Espírito Santo no meio da Igreja tem levado as lideranças a buscarem artifícios! Já não há mais diferença entre o Sagrado e o profano! Pastor, continue!!! Não pare!!!

    ResponderExcluir
  30. Prezado colega Pr. Jorge,
    você verá muita coisa em sua vida que está apenas em uma ótima fase. Compartilho de seu temor e respeito pelo púlpito de uma igreja. Sei que sermos representantes de Deus é a mais alta função que um homem pode desempenhar e tratar de qualquer modo este lugar de honrar é algo sem propósito. Não acredito que a presidência da igreja em foco seja conivente com o que foi feito. Nem tudo o que se passa em uma igreja o seu pastor sabe. Mas foi uma infelicidade.
    Um forte abraço
    Deus o abençoe
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  31. Meu caro colega Pr. Marcelo,
    realmente sem o Espírito Santo agindo só resta mesmo apelativos. Creio também que a visão de púlpito e temor a Deus estejam faltando em um grande percentual dos evangélicos. Ainda temos a oportunidade de inverter estas coisas.
    Deus o abençoe
    Um forte abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  32. Ola Pastor!

    Gostei muito de sua postagem e concordo com cada coisa que disseste, mas gostaria que o Sr. comentasse algo que vem me intrigando nestes últimos dias.

    Tenho vistos aberrações evangélica acontecendo e frases absurdas como: se vc não tiver fé, nos temos fé pra vc.

    mas o que me assusta são os sinais que acontecem nessas igrejas. Acho que milagres não são aprovação de conduta, pois no deserto o Senhor fez muitos milagres, mas não aprovava a conduta do povo, mas mesmo assim gostaria de tentar entender pelo menos um pouco mais esse fenômeno.

    ResponderExcluir
  33. Sabe o que é triste de tudo isto: é que Deus irá cobrar (e muito) destes líderes por terem envergonhado a mensagem de Cristo, transformando-a numa piada, numa "coisificação" sem sentido. Lastimável...

    ResponderExcluir
  34. Eu não consigo entender como esse Circo enche tanto? Parecem que todos ali estão surdos, cegos, ou será o contrário? Gostei muito dqa iniciativa do senhor em escrever a respeito, até que enfim alguém se levantou e Gritou! Que o senhor derrrame sobre o senhor a coragem de Davi a cada dia. Em Cristo,
    Priscila Lima.

    ResponderExcluir
  35. Sinceramente Pr.Luiz fernando. Eu tambem conheço essas pessoas pessoalmente, por isso tbm posso dizer. Acho Ridículo a forma k vocÊs falam da Igreja Batista da Lagoinha, acho k esse texto foi fácil fazer vizando apenas cinco minutos de um culto abençoado como este, eu estava lá nesse dia e presenciei o mover de Deus, a adoração e a sinceridade dessas pessoas e muitos tem presenciado as obras das mãos dessas pessoas. Hoje em dia nossos irmãos tem se preocupado mais com os detalhes que não concordam do que com a real palavra de Deus e levar a palavra áqueles que precisam, pois é isso que eles têm feito. O seu texto seria mais feliz se o foco dele fosse realmente a palavra de Deus ou lembrando daquilo que essa igreja tem feito para a obra de Deus! Mas o que importa é que quem irá julgar é Deus, esse naum é o nosso papel aki na terra! o que vejo aqui é apenas crítica e pessoas tentando fazer o papel de Deus, por que quem tem o poder de Julgar é só Deus! É fácil falar, difícil é ser ousado! essa é apenas minha opinião... Karine Menezes

    ResponderExcluir
  36. de anônimo sincero para anônimo raivoso.

    Prezado anônimo raivoso,
    Entendo sua observação de que alguns pastores da referida Igreja ainda pregam o Evangelho. Entendo. Mas pregar o Evangelho vez por outra é o mínimo para que continuem se chamando igreja. Na minha anônima e humilde opinião, isso não os livra de estarem compactuados com esse sistema eclesiástico medonho que criaram, o qual se baseia não na Pregação e Vivência da Palavra de Cristo, mas em um exibicionismo pessoal e vaidoso, que resulta no Cultivo (culto?) das Celebridades Gospel. Eles mesmos alimentam esse sistema de forma dissimulada, dizendo inclusive, às vezes, que isso é efeito colateral, porque as pessoas são mal informadas. Mas Eles mesmos bolam programas de TV que enfatizam suas personalidades e sua espiritualidade de vitrine. E, ainda por cima, dizem com vozinha de submissa ovelha que "o Senhor disse que deveria fazer esse programa pra vocês saberem". A voz é de ovelha, mas a bota é de serpente... Se alguém participa desses cultos e apoia essas falcatruas, esteja à vontade, mas não venha dizer que tudo se justifica porque ainda pregam o Evangelho, meu velho. AINDA? E até quando? E o que está em maior evidência? O que está no centro? Enfim...
    Um abraço anônimo, mas sincero,

    De um anônimo que pensa em se desanonimizar em breve, já que percebe-se uma segregação dos anônimos por essas bandas... hehehe. O chefe aí responde todo mundo, menos a gente... Brincadeira, viu pastor Luiz?

    ResponderExcluir
  37. excelente artigo.
    colocamos em nossa rede.
    acesse: http://doutrinacrista.ning.com/

    sds em Cristo

    ResponderExcluir
  38. Oi Pastor Luiz, não questiono seus argumentos, concordo com eles, e o senhor foi sábio em dizer que não julga pessoas mas comportamentos. Acho que todos concordamos que a igreja(quando digo isto, falo de mim também, porque faço parte dela) precisa fazer uma urgente reflexão e voltar os olhos para a simplicidade da palavra, mas o Sr. não acha que teria sido mais proveitoso dirirgir-se aos irmãos que o senhor conhece tão bem e expor sua opinião? Sei que o Senhor conhece a liderança de Lagoinha, não de longe mas de perto. Porque não tomar este caminho? Acabei de ler vários textos em um outro blog difamando toda igreja de Lagoinha, por conta do vídeo exibido, escrevendo coisas impublicáveis e ainda se dizendo cristãos! O senhor sabe que a palavra de Deus é ensinada com muita seriedade em lagoinha, graças a Deus por isso! O que me causa tristeza é que, pode até não parecer no vídeo, todas aquelas pessoas amam realmente o Senhor, porque as conheço, é muito constrangedor vê-las rodando pela rede e blogs de "irmãos" expondo e ridicularizando-os desta forma e mais do que isso, o nome de Cristo sendo escarnecido entre não crentes. Oro para que aja misericórdia em nós, vontade de corrigir em ver de destruir. Como disse Richard Baxter "Todo homem será envolvido, inevitavelmente, pelo próprio Deus, em alguns deveres que correm o risco de ser mal interpretados e que têm uma aparência externa de coisas más. Com isso ofenderão aqueles que não conhecem todas as circunstâncias internas. Assim, boa parte da história é pouco digna de respeito; porque as ações de pessoas públicas são julgadas com parcialidade por aqueles que escrevem sobre elas. Eles escrevem mais por ouvir dizer; ou só conhecem o exterior e as aparências das coisas, e não o espírito, a vida e a realidade do caso. Os homens não escolhem seus deveres. Deus os determina pela Sua Lei e providência. E muitas vezes Ele se agrada em provar seus servos dessa forma: muitas das circunstâncias de seus atos permanecem ocultos aos homens. Estes os justificariam se o soubessem, mas acabam considerando-os pessoas publicamente escandalosas, porque não as conhecem. Quão parecido com o mal foi o fato de os israelitas tomarem os bens dos egípcios! Assim também a tentativa de Abraão de sacrificar seu filho; também Davi comendo os pães da proposição e dançando quase nu diante da arca. Cristo comendo e bebendo com publicanos e pecadores, Paulo circuncidando Timóteo e a sua purificação no templo. Não é surpresa que José tenha pensado em abandonar Maria até que ele tivesse evidência da sua milagrosa concepção. E quão merecedora de reprovação ela era, por parte daqueles que não conheciam os fatos! Portanto, quão vazio é o julgamento do homem! E quão contrário ele é freqüentemente à verdade! E com que cautela a história precisa ser lida! E quão aguardado é o grande dia do Senhor, quando toda censura humana será censurada com justiça!"

    Roger L. Bh - Igreja Batista da Lagoinha

    ResponderExcluir
  39. Prezado irmão Duarte,
    agradeço sua visita e em breve farei um post sobre o assunto que você sugeriu.
    um abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  40. Prezada Priscila,
    realmente não entendo. Mas a igreja hoje é mais emocional do que racional. Aceita acriticamente qualquer coisa feita em nome de Deus. Mas acredito que alguma coisa está acontecendo que provocará profundas mudanças.
    Um abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  41. Prezada irmã Karine,
    entendi seus argumentos e os respeito, mas não concordo. Gostaria de ponderar sobre eles:
    1 - Não menciono nomes nem de pessoas e lugares, por isso, a intenção não é denegrir ninguém ou algum lugar.
    2 - Se a irmã considera estes comportamentos do vídeos detalhes, creio que alguma coisa está errada com o conceito de culto a Deus. Introduzir padrões do mundo em um culto ao Senhor do Universo nada mais é do que jogar no lixo qualquer conceito de santidade, temor a Deus e equidade. Quando Moisés foi receber as táboas da lei Deus disse para o povo não se aproximar do monte porque não poderia subir, ou seja, Deus colocou limites claros de como se devia aproximar dEle. Agora a menos que existam momentos onde Deus não está presente nestas reuniões ai sim vale tudo, mas se em todos os momentos do culto Ele esta presente então não pode ser o mesmo Deus da Bíblia que diz nos Salmo 89:14 " Justiça e juízo são a base do teu trono; misericórdia e verdade irão adiante do teu rosto". Isaías quando teve a visão do Senhor no templo disse que iria morrer, pois, estava diante da santidade do Senhor. Mas para a irmã comportamentos bizarros são detalhes. Respeito.
    3 - O foco do texto é a Palavra de Deus mesmo, pois, tais comportamentos grotescos ferem esta Palavra em todos os sentidos, a menos que estejamos falando de Bíblias diferentes.
    4 - Quanto não ser o papel da igreja julgar aqui na terra, necessário se faz ler mais um pouco a Bíblia para perceber o contrário.
    Mas como disse no princípio respeito seu ponto de vista e os entendo.
    Obrigado por sua visita.
    Deus a abençoe ricamente.
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  42. Prezado irmão Roger,
    obrigado por sua visita. Como o irmão concorda com o texto não preciso dizer muita coisa. Gostaria de lembrar que o texto que o irmão citou de Baxter não serve para justificar as bizarrices apresentadas no vídeo, pois, foi escrito visando outro fim que não a introdução de conceitos mundanos no culto a Deus. Uma igreja com mais de 100 pastores não vi e não vejo nenhuma necessidade de dizer nada para a liderança da mesma, pois, acredito que existam líderes mais competentes do que eu para dizer alguma coisa sobre o vídeo. O Vídeo em questão me foi repassado por um irmão do interior de Minas Gerais que foi membro de Lagoinha e estava pasmo com o que viu. Então não fui eu a mostrar nada já estava na internet e não pense que somente eu pondero sobre estas coisas, mas existe uma legião de blogueiros que pensam que tais comportamentos são inaceitáveis para o cristão. Não pense que não fiquei incomodado em postar o texto no blog, pois, tenho profundo apreço por esta comunidade de fé. Quanto o nome de Cristo ser escarnecido entre os não crentes basta sermos simples e bíblicos em nossos comportamentos e ninguém terá nada a dizer.
    Continuemos a lutar pela fé que uma vez foi entregue aos santos.
    Deus o abençoe
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  43. Imagino os "artistas gospel", sendo levados aos cadafalsos, aos algozes, aos carracascos que ceifaram tantas vidas, somente, e tão somente, por permanecerm firmes no amor a Cristo.
    Penso que a maioria deles, com certeza, renunciariam a sua fé, sem muitas delongas.
    Além dos "artistas", temos ainda "os pais de santo dentro da Igreja, os descarregos, a teologia da prosperidade, o Jesus banqueiro, avalista, curandeiro, cupido..."
    PASSOU DA HORA DA IGREJA ACORDAR E VOLTAR AO PRIMEIRO AMOR.
    Pr. Antônio Moura - Belo Vale / MG

    ResponderExcluir
  44. Prezado Pr. Luiz,
    Tive que vir parabenizá-lo pelo post, sei que o Espírito Santo agiu maravilhosamente em seu coração para que usasse as melhores palavras para demonstrar a aberração e a escandalização do Evangelho em práticas como a do vídeo.
    Não há justificativa, nem nada que possa desculpar o ocorrido, práticas desse tipo ocorrem reiteradas vezes em diversas igrejas e mantem várias pessoas no erro. Uma igreja que se propõe a fazer coisas assim se corrompeu de tal maneira, que chega a ridicularizar o nosso tão precioso Evangelho. Tem faltado às igrejas mais respeito e compromisso com as coisas de Deus.
    Que Jesus abençoe imensamente sua vida.
    Um abraço, Kathleen (Filha do Jorge - Igreja Tabernáculo Batista Bíblico)

    ResponderExcluir
  45. Meu caro colega Pr. Antônio Moura,
    bom o colega por aqui no blog. Acredito que estamos perdendo a melhor oportunidade para divulgarmos a Palavra de Deus neste país. Estamos brincando ao invés de batalharmos, estamos usando roupas de festa no lugar de uniforme de guerra. Realmente está passando da hora da igreja reagir e isso com galhardia.
    Um forte abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  46. Irmã Kathleen,
    que bom que passou por aqui. Realmente não há qualquer forma de justificar tais comportamentos. A grande crise é que as pessoas não querem reconhecer e buscar uma confissão acompanhada de arrependimento. Tais comportamentos somente infantilizam os crentes e tiram o foco do Senhor Jesus. Respeito e compromisso talvez sejam os ingredientes que faltam em nosso meio.
    Um abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  47. "Estamos brincando ao invés de batalharmos, estamos usando roupas de festa no lugar de uniforme de guerra"Esta fala me fez lembrar do meu pastor que diz que Deus não deu vida fácil para os seus".
    Andréia

    ResponderExcluir
  48. Irmã Andréia,
    então esse seu pastor é bom mesmo ein. rsrsrsr
    Se lermos Heb. 10 e 11 veremos que ele tem plena razão.
    Um abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  49. NO INÍCIO O SR. DISSE QUE NÃO QUESTIONA PESSOAS. POIS DIANTE DO QUE VI ME DOU O DIREITO DE QUESTIONAR. ONDE ESTÁ O LIDER PRINCIPAL DAQUELA IGREJA QUE PERMITE ISSO NO CULTO? VAI ME DIZER QUE FOI DE IMPROVISO, OU JÁ ESTAVA PREPARADO O PICADEIRO? O LIDER PRINCIPAL É UM HOMEM PREPARADO E SABE DE TUDO OU MAIS AINDA DO QUE ESTAMOS FALANDO AQUI NESTE BLOG. ENTÃO, COMO LIDER ESPIRITUAL CABE A ELE IMPOR LIMITES À SUA IGREJA, ESTABELECENDO O QUE DEVE E O QUE NÃO DEVE! PARABÉNS PELO TEXTO PR. LUIZ.

    ADRIANO - IBA

    ResponderExcluir
  50. NO INÍCIO O SR. DISSE QUE NÃO QUESTIONA PESSOAS. POIS DIANTE DO QUE VI ME DOU O DIREITO DE QUESTIONAR. ONDE ESTÁ O LIDER PRINCIPAL DAQUELA IGREJA QUE PERMITE ISSO NO CULTO? VAI ME DIZER QUE FOI DE IMPROVISO, OU JÁ ESTAVA PREPARADO O PICADEIRO? O LIDER PRINCIPAL É UM HOMEM PREPARADO E SABE DE TUDO OU MAIS AINDA DO QUE ESTAMOS FALANDO AQUI NESTE BLOG. ENTÃO, COMO LIDER ESPIRITUAL CABE A ELE IMPOR LIMITES À SUA IGREJA, ESTABELECENDO O QUE DEVE E O QUE NÃO DEVE! PARABÉNS PELO TEXTO PR. LUIZ.

    ADRIANO - IBA

    ResponderExcluir
  51. Chegamos ao absurdo de Igrejas Promoverem os "Arraias Gospel", Infelizmente Satanás está usando muitos "crentes" para escandalizar o verdadeiro evangelho de Cristo.

    ResponderExcluir
  52. Vanderlei Batista Vieira2 de julho de 2011 12:10

    Eu nao estou aqui no intuito de julgar a quem que seja nem sequer ser a favor ou contra a este ou aquele. Preciso apenas de um esclarecimento a duvidas que carrego dentro de mim há muito tempo. Sou uma pessoa nascida em lar cristao e me lembro muito bem que quando criança, a igreja em que eu frequentava proibia veementemente a mulher de cortar as pontas do cabelo, usar calcas, utilizar maquiagens,e etc.
    Hoje, no entanto, esta mesma igreja permite todas essas praticas condenadas há 40 anos atrás. Pergunto com toda humildade com o objetivo puro e simples de aprendizado: É correto esta evolução ou retrocesso da igreja?
    Deus mudou nos ultimos 40 anos?
    Se a igreja permanecesse com aquele conceito de 40 anos atràs, ainda teria membros?
    Com esta mesma duvida, eu vejo a questao do video. Pode-se considerar uma evolução da igreja na prática dos cultos?

    ResponderExcluir
  53. Prezado irmão Adriano,
    acredito que nem tudo o que se passa na igreja o pastor saiba. Acredito que algma providência já deve ter sido tomada, pois, como você bem disse o pastor presidente da igreja sabe muito bem do o texto do blog está falando. Como conheço o pastor presidente pessoalmente, acredito que isso não deve acontecer mais. Mas concordo com o irmão quando diz que limites devem ser impostos.
    Um forte abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  54. Meu caro colega Pr. Elder,
    quando mais a igreja se aproxima do mundo em seus comportamentos e filosofias mais ela perde seu poder e se torna insignificante. O pior é que as lideranças estão caladas e aceitam tacitamente estas aberraões. Uma pena!
    Um forte abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  55. Prezado irmão Vanderlei,
    agradeço sua vista ao blog e pondero sobre suas indagações:
    1 - Aquilo que o irmão aprendeu a 40 anos não é questão doutrinária ou teológica, mas somente uso e costume. Usos e costumes mudam com o passar do tempo. Esse rigor era típico dos pentencostais clássicos que presavam por uma santidade que se limitava mais a aparência. O bom senso nos diz que mesmo a 40 anos não era algo razoável.
    2 - Houve um avanço e um retrocesso ao mesmo tempo. Avanço porque a igreja adentrou no mundo e absorveu seus padrões e comportamentos. Retrocesso porque deixou de ser luz e sal para esta terra. A mudança dos usos e costumes no meio pentecostal não implica em retrocesso ou avanço, mas uma adaptação social. Cortar cabelo, pintar unhas e coisas parecidas sempre existiu na sociedade. O que havia era identificar isso com falta de santidade.
    3 - A questão do vídeo não demonstra um avanço, mas uma perversão do sagrado. Se fosse avanço não estaria ferindo frontalmente a Palavra de Deus. Nunca na história da igreja houve a introdução de elementos mundanos no culto a Deus, mesmo porque isso seria um contra-senso. No Antigo Testamento tudo relacionado ao culto era santificado ao Senhor. No Novo Testamento o princípio da santidade permanece como alicerce de tudo o que se faz para o Senhor. Por isso, não é avanço mas corrupção do sagrado.
    Espero ter ajudado.
    Um abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  56. Pr. Luiz Fernando, agradeço a Deus por ainda poder acreditar que existam homens como o Sr. com coragem para postar uma nojeira desta (video). daqui a alguns dias vão levar o "SUPERMAM" Da outra "GRANDONA", Com o argumento de que é só para atrair os jovens e adolescentes que estão perdidos. saudades do tempo em que nos seguravam na igreja pela bbusca do ESPÍRITO SANTO.Acho vergonhoso ter que me deparar com tais atitudes destas que se auto denominam "igreja do Senhor".
    QUE DEUS O ABENÇOE.

    ResponderExcluir
  57. Causa nos tristeza assistir a banalização do evangelho desta forma, o que vemos e o desperdício de tempo, dinheiro e de vidas. Fico indignado em ver tamanha estrutura sendo usada para promover um entretenimento gospel, enquanto o que precisamos é de anunciar a Palavra viva, pois é esta é a que promove a vida.

    ResponderExcluir
  58. Prezado colega Pr. Ronie,
    há uma geração que desconhece essa busca pelo enchimento do Espírito Santo. Em meu tempo de mocidade podíamos contar no dedos aqueles que não se enquadravam na igreja. Percebo que as tentativas de fazer bem feito para Deus passam longe do se fazer pelo poder de Deus. Mas acredito que as coisas devam ter mudado.
    Um abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  59. Prezado irmão Edmar,
    acredito que a visão deva estar um pouco desfocada. Talvez por ter muito sempre perdemos a urgente necessidade de um evangelho consistente. Talvez por uma reação ao atual estado da igreja as pessoas tentem o diferente. Cristo é Senhor da igreja e Ele a conduzirá até o fim.
    Um abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  60. O TEMPO PASSA E AMORDAÇA AS LIDERANÇAS FAZENDO-AS TREMEREM POR NÃO ATENDER A DISSIMULADA ENTRADA DAS COISAS MUNDANAS DENTRO DAS IGREJAS E ISTO É UMA VERGONHA...PARABENS PELA DISPOSIÇÃO E CORAGEM EM POSTAR ESTA MATERIA, CONFESSO QUE MUITOS LIDERES ESTÃO INCOMODADOS COM ESTA POSTAGEM E CERTAMENTE FARÃO GRANDES MUDANÇAS PARA TIRAR AS MORDAÇAS QUE OS IMPEDIAM DE AGIR E FALAR DE UM EVANGELHO PURO QUE TRAZ AS PESSOAS A CRISTO.

    ResponderExcluir
  61. Meu nobre Arcebispo da Cantuária,
    ao fazer a postagem tinha como objetivo ser um ponto de reflexão para posteriores tomadas de decisões dos interessados. O Senhor da seara a levará a bom termo.
    Um abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  62. Prezado Irmão,

    Infelizmente, tudo o que foi colocado nessa mensagem é corroborado pelo nível que se têm observado, ultimamente, em muitas igrejas, onde a Palavra e o Ensino da sã doutrina são postos de lado para dar lugar aos absurdos que o irmão têm destacado em suas mensagens de alerta. Quisera que aqueles que têm perpetuado tais sandices e deslizes tomassem conhecimento das mesmas e se deixassem tocar pelo Espírito Santo e corrigissem seu proceder e assim, quem sabe, não contaminar, pelo seu testemunho, aqueles que têm se achegado à Casa de Deus com sincero desejo de conhecer a Deus e à Sua Palavra e assim serví-LO.

    Que o Senhor tenha misericórdia dos que ali se encontram e lhes mostre o desvario de sua conduta. Que o Senhor tenha misericórdia dos que se achegam ao Caminho da Fé e lhes conduza à Igrejas cujos líderes O temem e pregam Sua Palavra com Temor e Temor e não como se a casa de Deus fosse lugar de espetáculos.

    Chega de deturpar o Evangelho e querer torna-lo palatável para aqueles que persistindo no caminho do erro, zombam da Palavra e da Igreja. Voltemos, sim, à prática do Evangelho da Palavra. Voltemos à Escola Dominical e aos cultos de Doutrina! Ao DIscipulado Bíblico!

    Voltemos ao Evangelho simples e verdadeiro!

    ResponderExcluir
  63. Prezada irmã Peregrina (codinome),
    um retorno à simplicidade do Evangelho é urgente. Cristo e somente Cristo é suficiente para a nossa vida. Nele estão escondidos os tesouros da sabedoria e do conhecimento e o apóstolo Paulo disse que o que ele sabia considerava como esterco para alcançar o conhecimento de Cristo. A tentiva de injetar coisas novas nos cultos somente nos diz que Cristo não tem sido suficiente e que algo especial está faltando. Realmente quando nos afastamos da E. B. D, dos cultos de doutrina geramos um vazio que não pode ser preenchido facilmente. Ainda há tempo de retornarmos.
    Um abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  64. Caro Pastor Luiz Fernando, sigo seu blog e comungo do mesmo pensamento e estou convicto de que o Ministério de Cristo Jesus em nada tem haver com as bizarrices que estamos assistindo nos picadeiros gospels brasileiros. Poderia indicar a eles uma mensagem de John Piper intitulada: "Não desperdice seu Púlpito", acho que seria um bom remédio ouvir a pura Palavra pregada com graça, simplicidade e unção, verdadeira unção que vem de Deus. Mas infelizmente em Governador Valadares também temos muito o que combater no que tange a heresias. Unção de Manassés que fará a pessoa se esquecer de seu passado de dores e etc. Sou criticado por combater heresias e homens inescrupulosos que se escondem atrás do Evangelho, mas estou certo de que alguém precisa se levantar e fazer o que deve ser feito, por isso tenho perseverado.

    Se puder leia uma mensagem que publiquei em meu blog: Espírito X Carne uma luta interior

    http://pastormauricioribeiro.blogspot.com/

    Forte abraço e continuemos com a máxima da reforma: "Soli Deo Gloria"!

    Deus lhe abençoe com saúde e vida em Cristo!!!

    ResponderExcluir
  65. Pr. Luiz Fernando,

    por que não julgar as pessoas? Alguns comentaristas acreditam possível se julgar o fato sem julgar as pessoas, mas o fato é algo isolado, sem ter como causa as pessoas? Deus condena o pecado mas não o pecador? Quem vai para o inferno é o pecado ou o pecador? Temos de parar com essa mania de querer isentar as pessoas dos seus erros. Se julgo um fato ou uma atitude, estou também julgando quem o cometeu. E isso não é errado. Já imaginou Paulo falando da hipocrisia de Pedro com os judaízantes em Gálatas, mas dizendo: Ora, estou julgando o erro de Pedro, não a Pedro! Caramba! Que coisa mais louca! Como se o ato em si pudesse ser julgado mas quem o cometeu não tivesse culpa alguma. Paulo disse que falou cara-a-cara com Pedro, dizendo-lhe que sua atitude era reprovável. E fez isso com qual objetivo? De que Pedro se arrependesse.
    Portanto, entendo que o seu objetivo seja o mesmo, ao alertar os líderes da Lagoínha, para que se arrependam.
    O próprio Pedro nos diz que o julgamento começa pela igreja, e somos nós que devemos julgá-la, tanto em atos como aqueles que praticam os atos reprováveis.
    Mas me parece que o caminho que a Lagoínha anda trilhando é meio que um caminho sem volta... está muito longe da verdade do Evangelho... Mas vamos orar para que Deus os liberte de suas excentricidades antievangélicas, guardando e protegendo os seus que estão ali naquele meio.

    Cristo o abençoe, imensamente!

    Abraços.

    ResponderExcluir
  66. Sou Pastor e minha opinião é que:
    Nao tem nada a ver com julgamento.
    O que está claro no vídeo, é notorio e tem a ver com falta de seriedade com a palavra de Deus.
    O pulpito virou ribalta de gente vazia, sem escrupulos, sem temor e que para levar is incautos aos templos, abrem mão de qualquer recurso.
    Se isso ai é culto, eu prefiro ir pro terreiro de umbanda, porque lá eles fazem mais bem feito.
    Entendo que o diabo não precisa de incrédulos para ridicularizarem a Igreja; os "seus membros" já estão fazendo esse papel com maestria.

    O juízo de Deus virá; quando isso acontecer, verão o quanto foram levianos e brincalhões com as coisas de Deus.

    Muitos ai sirriem, mas no dia seguinte estarão mais secos que lenha no fogão a arder de angustias e de temores da vida e dos fantasmas que as rodeiam.
    Foram "a fonte" mas acharam-na entulhada.

    Meu Deus!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  67. Uma pena qdo precisamos inventar atrativos

    ResponderExcluir
  68. Uma pena que precisamos introduzir idéias mundanas para atrair as pessoas!!!! O secularismo tem invadido nossas igrejas, parece que os pregadores já não estão crendo mais na suficiênca da palavra, precisam dar sua ajudinha, do contrário,as pessoas não virão ao templo. Igrejas que começaram tão bem, agora estão usando dispositvos tão humanos, desprovidos de qualquer inteligência, racionalidade....O que estão passando é que não crêem na suficiênca do Espírito Santo, na unção que levou igrejas no passado, á experiências extraordinarias.Pr José de Souza Moreira - I Igreja Batista em Diamantina

    ResponderExcluir
  69. Meu caro Pr. Maurício,
    ao abandonar a simplicidade da Palavra nos vemos em beco sem saída. Ai precisaremos arranjar coisas para preencher aquilo que somente a Palavra de Deus e o Deus da Palavra podem fazer. Li seu artigo e assino embaixo.
    Sei que ai Valadares as coisas não estão indo pelo caminho razoável em algumas comunidades. Mas creio que pessoas como o colega serão colunas firmes diante dos modismos.
    Um forte abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  70. Prezado irmão Jorge,
    realmente não existe muito espaço somente para apontarmos ações. Creio que estes enganos já foram sanados e que alguma coisa pode mudar sim.
    Um forte abraço
    Em Crsisto
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  71. Prezado colega Pr. Moreira,
    você pôs o dedo na ferida corretamente. A maxima da reforma era "Solus Scriptura" Somente a Escritura. Bom é atentarmos para esta máxima sempre, pois, ela é quem vai ser esteio da igreja nos próximos anos como sempre foi. O Espírito Santo não precisa de ajuda para fazer o que somente Ele pode e sabe fazer.
    Um forte abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  72. Caro Pastor luiz Fernando,
    Na verdade, isso que foi "denunciado" pelo senhor (mais uma vez com toda razão)não é novidade, infelizmente. Já se tornou corriqueiro nesse meio "evangélico", com algumas variações, mas semelhantes nas bizarrices. Seu questionamento e as respostas dadas "sobre quais os benefícios advindos de práticas como estas" são perfeitas.
    Tenho me afastado de ver, acompanhar e discutir tanta coisa errada que vem desse evangelismo deturbado, pois mesmo na minha ignorância e falta de conhecimento de tanta coisa na palavra de Deus, cansei.
    Mas parabenizo o senhor e o encorajo, pois como dizia Martin Luther King " o que preocupa não é o grito dos violentos, dos corruptos, dos desonestos, dos sem carater, dos sem ética, mas o silêncio dos bons".
    Um forte abraço.

    Carlos Hamilton

    ResponderExcluir
  73. Prezamado pr. Luiz Fernando,

    A paz de Cristo, o nosso Senhor!

    Existe a necessidade de se proclamar que estes profanam a igreja.

    Não se cale! Eles ficarão irritados. Faz parte do jogo demoniaco que envolve aos muitos líderes em seu caminho EXTREA, diante do mundo.

    O evangelho deve ser respeitado!

    O Senhor seja contigo, nobre pastor!

    O menor de todos os menores.

    ResponderExcluir
  74. Amigo Pr. Luiz Fernando, aqui é o Pr. Richarde Guerra seu colega e admirador, gostaria de convidá-lo para participar de um dos cultos da sexta básica, desta forma você poderia fazer uma análise mais completa sobre o mesmo, na última sexta mais de cinquenta pessoas aceitaram a Jesus neste culto, creio que precisamos melhorar muito, suas sugestões serão sempre bem vindas!

    ResponderExcluir
  75. GRAÇA E PAZ, QUE TEXTO ESPECIAL, QUERIDO COLEGA, EXPRESSA A GRANDE VERDADE QUE A IGREJA DO SENHOR ESTA VIVENDO, NA TERRA, QUE NOS JUNTOS E UNIDOS, POSSAMOS FAZER A DIFERENÇA, VIVER EM SANTIDADE, SEMPRE DIANTE DE NOSSO DEUS. VALEU QUE DEUS CONTINUE TE USANDO EM NOME DE JESUS. ABRAÇOS EM CRISTO. PR CRISTIANO BANDEIRA - TEMPLO EVANGELICO PENTECOSTAL - GRAVATAI - RS

    ResponderExcluir
  76. Prezado irmão Carlos,
    agradeço suas palavras de incentivo e carinho. Cabe a nós nos posicionarmos a favor da Palavra de Deus e tentarmos não alterar os fundamentos já colocados. Essas coisas devem nos aproximar mais do Salvador e mover nossa dedicação para um nível superior. Vamos batalhar pela fé que uma vez foi entregue aos santos conforme nos diz Judas.
    Um forte abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  77. Meu caro colega Pr. Newton,
    agradeço seu encorajamento e carinho. Precisamos sim levantar nossas vozes para apontar o caminho da Palavra. As reações são adversas, mas em tudo visamos o bem do Reino.
    Deus o abençoe ricamente.
    Um forte abraço
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  78. Meu colega Pr. Richarde,
    sua visita ao blog precisa ser mais constante. Fico feliz em saber da obra que o Senhor tem feito através dos irmãos. O presente texto serve somente como um ponto de reflexão. Acredito que nada poderia acrescentar, pois, o colega está em um meio com mais de 200 pastores e estes, com certeza, são mais sábios, competentes e inteligentes do que eu. Creio firmemente que o Senhor há de ser glorificado em sua igreja.
    Um forte abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  79. Prezado Pr. Cristiano,
    obrigado por sua visita. Minha oração é que o Senhor purifique sua igreja e use cada vez seus líderes para apontar o caminho do verdadeiro Evangelho. Sei que nosso trabalho não é vão no Senhor.
    Um forte abraço
    Naquele que viveu integralmente a Palavra.
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  80. Vou confessar que não sou dos mais radicais. Mas acho que o evangelho é o evangelho e ponto final. Um roqueiro que se converteu (de verdade), um ex isto ou aquilo, (que não faça do seu testemunho um show de suspense "no final eu conto",) acho justificável desde que a HONRA E GLÓRIA sejam do SENHOR JESUS.

    Mas o fato acima não é digno nem de comentários. É para ser esquecido. Digno de pena. Usar um espaço que poderia ser para levar o nome de Cristo a mais pessoas, para ridicularizar ainda mais os cristãos.

    Triste..

    ResponderExcluir
  81. Meu caro irmão Alexandre,
    são tentativas de se fazer a obra do Senhor no poder da carne e não do Espírito. Creio que precisamos mais de demonstração de poder do Espírito do que atrações circenses.
    Um abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  82. Antonio Carlos Vitorino dos Santos26 de julho de 2011 05:20

    Pastor,pela primeira vez estou lendo seu texto á respweito dos fatos ocorridos na Lagoinha,Igreja na qual trabalhei,como seminarista,por cinco anos na década de 70,teendo visto e participado do crescimento abençoado daquela Igreja.É saabido e ressabido que as mudanças ocorrem no comportamento humano,á uma,para invalidar o repetitismo dos cultos e á duas por falta de sobriedade e temor a DEUS.Acredito que ainda é possível ajustar a dinamica da Lagoinha.Afinal,o Pressidente da mesma,Marcio Roberto Vieira Valadão é um crente firme,consciente,preparado,de uma longa trajetória Ministerial vitoriosa.Isto posto,acredfito que a repercussão desse fato trará mudanças no seio da Histórica e querida Igreja Batista da Lagoinha.Foi muito boa sua matéria.Um abração.Pr.Antonio Carlos Vitorino dos santos.

    ResponderExcluir
  83. Prezado colega Pr. Antônio Carlos,
    suas palavras são equilibradas e ajudam a encontrar o equilibrio. Tenho certeza da integridade do pastor presidente da igreja e sei de sua excelente capacidade de direção. Deus é soberano em todas as coisas. Obrigado por sua visita.
    Um abraço
    Em Cristo
    Pr. Luiz Fernando

    ResponderExcluir
  84. Eu acho que a pessoa se converte, e tem dons que antes usava no mundo e agora quer usar pra Deus. Mas... Por muitas vezes, nós tentamos explicar as situações com a mente e não com os fatos. Ter fé tem sido difícil, são tantas denúncias... profeta ali, piada ali... Todo mundo quer um pouco de si na construção do Reino, quando na verdade, se esquecem que Jesus disse: "A casa de meu pai tem muitas moradas". O Reino já está pronto... vamos nos tornar cidadãos dele?
    Naquela época eram os fariseus, saduceus, zebuzeus, hoje são protestantes, católicos, carismáticos e a lista só aumenta!!!
    É só critica, é só não acredito nisso, 'eu sou dessa linha'. 'Nossa igreja tem mais', 'nós podemos mais'... blablabla... Tô cansada de ser apresentada a dogmas, ao que é ou não de Deus, o que pode e o que não pode... A gospel comercialização... Só vejo gte se acusando, gte que devia era se unir pelo Reino de Deus!
    Quer saber, é todo mundo farinha do mesmo saco!!! Deus tenha misericórdia de nós...

    ResponderExcluir
  85. Caro pastor, obrigado pela sensatez descrita em seu texto. Sãos dias de trevas e não de luz sobre as igrejas, igrejas deste tipo, digo, e não sobre a Igreja de Cristo. É muita futilidade, penso que realmente deveria haver um movimento, movimento não, comprometimento de alguns líderes realmente cristãos ao cristianismo verdadeiro.
    Um abraço,
    pastor Jonas Luiz de Souza, junto na defesa do evangelho.

    ResponderExcluir
  86. Pr. Luiz, fiquei feliz quando li o seu artigo, pois estava me sentindo um ET por não ser conivente com essa banalição e mundanismo que tem entrado na igreja. Fui lider de jovens no ano de 2011 e sofri desprezo e rejeição dos liderados porque pregava a Palavra e não dava Pão e Circo para eles. Infelizmente essa é a realidade da igreja hoje. Que Deus tenha misericordia de nós!!!

    ResponderExcluir
  87. Infelizmente as pessoas que se dizem "crentes" gostam disso e devemos saber que a igreja e seguidora do G 12 de César Catelhanos, precisa falar alguma coisa mais, só heresia e fanatismo.

    ResponderExcluir
  88. Neste primeiro contato com seu Blog, Pr. Luiz Fernando, e já me deparo com assunto correlato ao que tive o prazer de partilhar com o sr. ontem (01/05/13). Como são as 'coisas'...
    A meu ver, e simplóriamente escrevendo, a igreja, neste tempos atuais, está tão preocupada em 'não ganhar peso', que só quer comida frugal, leve - saladinhas diet, pratos light.
    A Palavra de Deus, densa, profunda, reflexiva, tocante e que mexe com nossas mentes, corações, ossos e medulas é 'gordurosa' demais para nossa 'saúde' secular...
    Misericória, Pai!!!

    Tarcísio Caetano G. Filho.

    ResponderExcluir
  89. só isso que eu digo: esse vídeo é simplesmente ridículo o altar agora é circo. é o fim mesmo.

    ResponderExcluir
  90. Creio que só os usos e costumes mudaram, mas infelizmente estão perdendo a noção do que é santo ,para manter a igreja cheia basta pregar a palavra da salvação , que só encontramos lendo ,examinando as escrituras,hoje em dia vemos muita invenção do homem,um querendo ser mais estrela que o outro .palavra ,santidade , salvação não se ouve mais em grande parte das igrejas,
    sem rose ribeiro

    ResponderExcluir
  91. creio que o que mudou foram os usos e costumes ,e não a palavra . santidade salvação reverencia virou coisas ultrapassadas , infelizmente e o que vemos muito por ai

    ResponderExcluir
  92. É triste ver a igreja de Cristo indo a este rumo,balada gospel e mercenários do palco onde o que vale é o dinheiro das ovelhas e não leva a uma comunhão com o Espirito Santo.
    tenho um amigo só porque ele falou com o pastor destes que fazem a lgreja de circo foi colocado de dos trabalhos da casa de Deus

    ResponderExcluir
  93. É triste ver a igreja de Cristo indo a este rumo,balada gospel e mercenários do palco onde o que vale é o dinheiro das ovelhas e não leva a uma comunhão com o Espirito Santo.
    tenho um amigo só porque ele falou com o pastor destes que fazem a lgreja de circo foi colocado de dos trabalhos da casa de Deus

    ResponderExcluir
  94. É triste ver a igreja de Cristo indo a este rumo,balada gospel e mercenários do palco onde o que vale é o dinheiro das ovelhas e não leva a uma comunhão com o Espirito Santo.
    tenho um amigo só porque ele falou com o pastor destes que fazem a lgreja de circo foi colocado de dos trabalhos da casa de Deus

    ResponderExcluir